La Communication Publique

O livro do francês Pierre Zémor, La Communication Publique, foi precursor da discussão a respeito dos conceitos de Comunicação Pública. É a partir da divulgação deste livro que as formas desse tipo de comunicação são estudadas e levadas a análise não somente na forma francesa, mas também em outros lugares como no Brasil.

Abaixo segue o fichamento da versão traduzida e resumida de Elizabeth Brandão.

 

O Campo da Comunicação Pública

A Comunicação e o Domínio Público

A CP acompanha a aplicação das normas e regras, o desenvolvimento de procedimentos, enfim, a tomada de decisão pública.

Essa comunicação está situada no espaço público, sob o olhar do cidadão. Ela trabalha com informações de domínio público.

Funções

  1. Informar
  2. Ouvir (demandas, expectativas, debates)
  3. Contribuir para assegurar a relação social
  4. Acompanhar mudanças

Para Zémor, a CP deve ser feita pelas instituições públicas (governo);

Espera-se que sua prática contribua para alimentar o conhecimento cívico, facilitar a ação pública e garantir o debate público.

A natureza das mensagens dos poderes e serviços públicos

 

As tarefas do poder público são as seguintes:

Regulação: assegura e mantém o funcionamento e o equilíbrio do sistema.

Proteção: recomendação, prevenção e repressão.

Antecipação: tarefas de pesquisa fundamental, educação geral, proteção do meio ambiente, etc.

Cabe às mensagens públicas, produzidas pela CP, contribuir para a execução dessas tarefas.

A complexidade da relação com o cidadão receptor

O cidadão é um interlocutor ambivalente, ou seja, assume dois papéis: submisso às autoridades das instituições públicas e questionador sobre a falta de informação, mensagens mal construídas, incompletas ou mal divulgadas.

Cidadão como “cliente do serviço público”. É preciso satisfazê-lo, antecipar seus desejos e seduzi-lo. Ele não pode se unicamente um usuário do serviço público sem renunciar a desempenhar um papel de decisor, ainda que limitado por pouco tempo e com pouco poder.

Os princípios gerais e a prática da comunicação pública

 

# o apelo afetivo da publicidade e do marketing não podem substituir a relação direta com o cidadão.

# ausência de feedback

# esclarecimento da comunicação

 

# a CP trabalha sob a condição de legitimidade da informação

As formas da Comunicação Pública

 

Cinco categorias da CP:

  • Obrigação de levar informação a seus públicos (comunicar e difundir informações);
  • Atender às necessidades do cidadão;
  • Apresentar e promover serviços;
  • Tornar as instituições conhecidas;
  • Desenvolver campanhas de informação e ações de comunicação de interesse geral.

Além disso, a Comunicação Pública também agrega o debate sobre as políticas públicas

Obrigação de comunicar e difundir informações

Divulgação de dados e informações que são de interesse público, tais como: cadastros em geral, registro civil,  cartografia,  recenseamento, convenções,  legislação, normas, decisões públicas, estatísticas, bibliotecas e arquivos públicos, históricos etc.

“Esses  dados  só  são  úteis quando disponibilizados sob forma reduzida, simplificada,  transformados  em  informações práticas e, ainda assim, limitados aos usuários mais freqüentes, gerentes e empresas”.

Pensar a Comunicação Pública como uma relação entre o serviço público e o cidadão.

“O diálogo é uma forma de avaliação do serviço público e de recolher idéias, propostas, medir o grau de satisfação, formas de melhoria etc. É como uma pesquisa qualitativa cotidiana”.

“A autenticidade é portanto, uma regra fundamental para a Comunicação Pública. Esta, aliás, é uma exigência por vezes difícil de ser cumprida, uma vez que os políticos eleitos ficam sempre tentados a ultrapassar sua  legitimidade, promovendo uma imagem do local ou  da instituição, muito pouco identificada com a que o povo tem”.

A comunicação pública deve conter unicidade. Não se pode haver conflito de interesses dentro de uma mesma instituição. Campanhas publicitárias e divulgações na imprensa, por exemplo, devem seguir a mesma linha de idéias e devem respeitar a identidade da instituição.

A versão traduzida e resumida encontra-se no link abaixo:

 ComunicacaoPublica PierreZemor -traducao

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: